Alunos de Pedagogia fazem a alegria dos residentes do Asilo São Vicente de Paulo


Música, dança, contação de histórias e muita alegria foi o que os alunos do curso de Pedagogia da Fagoc proporcionaram aos moradores do Asilo São Vicente de Paulo no dia 21 de maio. Na ocasião, a  coordenadora do curso, Adriana Mollica, e a professora Larissa Abranches também estiveram presentes. A ação fez parte da campanha "Maio Solidário" - Especial 80 anos do Asilo.

Os alunos do primeiro e terceiro períodos se mobilizaram e arrecadaram 39 pacotes de biscoito e três fraldas geriátricas. Além disso, os 27 estudantes promoveram um momento de descontração com música ao vivo, oficina de beleza e teatro de fantoche aos residentes. Clique aqui e confira as fotos.

"Foi muito bonito da parte dos alunos, pois não foi só uma ajuda material, mas sim toda a alegria que eles proporcionaram aos moradores do Asilo", conta a funcionária e também estudante do primeiro período de Pedagogia Elizandra Costa.

A aluna do terceiro período Laís Souza Vaz afirma que "a visita foi excelente, todo mundo animado, músicas boas, muitas risadas", e que o melhor foi "ver como as pessoas que moram lá ficam felizes quando conversamos com elas, damos um abraço". Ela ainda revela que a turma deseja fazer mais ações como essa.                      

A coordenadora do curso, Adriana Mollica, explica que as pessoas costumam imaginar que o pedagogo pode "atuar apenas nas escolas e na verdade ele tem um trabalho educativo, de recriação que pode também ser feito em instituições não-escolares como por exemplo o asilo". Ela ainda ressalta que é "uma oportunidade que os alunos têm de vivenciar a responsabilidade social, cidadania, o amor ao próximo".

Adriana conta que foi uma tarde divertida, em que os alunos e corpo docente estavam até mais felizes que os próprios idosos. "Todo mundo saiu de lá com o coração aberto", revela. É "muito gratificante quando percebo que me doar, doar meu tempo, é um ganho pessoal e profissional muito grande", confessa a aluna do terceiro período Marisa Coelli.

"A gente não quer formar apenas um técnico, mas um ser humano capaz de enxergar nos outros qualidades, potencialidades", destaca Adriana. "Quando a gente faz algo que é voluntário a gente ganha mais", finaliza.

Vale ressaltar que a Fagoc é um dos pontos de coleta dos donativos para os residentes Asilo São Vicente de Paulo. Confira alguns momentos no vídeo...

 



Alunos de Pedagogia fazem a alegria dos residentes do Asilo São Vicente de Paulo

Facebook