Atendimento via chat
Atendimento via chat

Microbioligista e professor do UNIFAGOC tem artigo científico aceito em revista médica internacional


O microbiologista e professor do UNIFAGOC, doutor Jardel Meirelles teve um artigo aceito pela revista Medical Mycology ­– revista médica publicada pela Oxford University Press em nome da Sociedade Internacional de Micologia Humana e Animal.

 

O trabalho intitulado “A Surface Fungal Glycoconjugate From Secedosporium Aurantiacum and Scedosporium Minutispora and Its Recognition by Macrophages" (Peptdoramnomanana: Um Glicoconjulgado de Superfície de Scedosporium Aurantiacum e Scedosporium Minutispora e Seu Reconhecimento por Macrófagos), trata-se da análise de uma molécula presente na parede celular (peptidoramnomanana) de duas espécies de fungos – Scedosporium Aurantiacum and Scedosporium Minutispora – e seu papel no reconhecimento por células da defesa (macrófagos).

 

Segundo Jardel, a escolha do tema se deu pelo motivo de que o trabalho é resultado de parte da sua dissertação do curso de mestrado em que abordou a “Caracterização Química e Imunológica de Glicoconjugados de Scedosporium aurantiacum e Pseudallescheria minutispora”, cursado na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

 

“A publicação deste artigo tem um grande significado para mim. Reforça essa importância, o fato do considerável lapso temporal entre a produção de boa parte dos resultados (2012/2013) e sua efetiva publicação (2020). Afinal, logo após o desfecho do mestrado, ingressei no doutorado e, portanto, tive que lidar com outras atribuições do momento, atrasando um pouco esta publicação. E hoje, ver toda aquela dedicação do início de uma longa jornada de pós-graduação concretizar em um trabalho publicado em um periódico de relevância internacional é gratificante. Espero que contribua para novas pesquisas no campo da micologia médica", ressalta o doutor. 

 

Microbiologista e professor do UNIFAGOC, Jardel Meirelles



Microbioligista e professor do UNIFAGOC tem artigo científico aceito em revista médica internacional

Facebook